AGOSTINHO DA SILVA EM SESIMBRA, 15

Agostinho da Silva

Saiu com a data de 30 de Setembro de 1993 – exactamente treze anos antes do grande colóquio sesimbrense comemorativo do centenário, na Biblioteca Municipal de Sesimbra: “Agostinho da Silva e o Espírito Universal”. Foi, como dela pôde escrever Renato Epifânio em Perspectivas sobre Agostinho da Silva na Imprensa Portuguesa, “a sua última entrevista concedida em vida”. É, por isso, uma entrevista histórica, e os fados quiseram que o houvesse sido a um jornal de Sesimbra, o mensário Raio de Luz, onde, nos últimos anos de vida, havia colaborado Rafael Monteiro, um dos grandes Amigos sesimbrenses de Agostinho e de Telmo, destinatário de amplos encómios no final da entrevista, e que tinha desaparecido no início desse ano de 1993. Foi por um tempo de despedidas – que também nos levou António Quadros e Natália Correia. LER AQUI.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s