DE UMA ENTREVISTA A VÍTOR MENDANHA: OS LUGARES D’«A TERRA PROMETIDA», 1

telmo2“«CM» – A língua, como código de sons, é um instrumento deficiente, pois não permite expressar determinadas ideias mais subjectivas e até sentimentos. Em vista disso existem verdades que só nos chegam através de símbolos e até de parábolas. Porquê? 

AT – Eu sei que é corrente essa desvalorização da palavra para valorar o símbolo mudo que concentre em si as verdades indizíveis.

Toda a verdade é dizível e deve ser dizível, porque dizê-la é privilégio do homem que dispõe, só ele entre todos os seres naturais, de palavra articulada.

«A razão é o nome do espírito humano», escreveu Álvaro Ribeiro, e, se a intuição é divina, ou semidivina ou angélica, uma vez dada, deve ser integrada pela razão na economia espiritual da Terra.

Não somos génios ou anjos. A intuição mística de uma verdade dada em símbolo permanece fechada sobre si no sujeito que a aprende e só ao próprio aproveita ou não aproveita. Se tem como forma a inefabilidade, pergunta-se se, muitas vezes, o místico não é aqui a vítima de uma ilusão, para não dizer de uma presunção.”

____________

Seis, e muito várias entre si, são as entrevistas recolhidas nas páginas de A Terra Prometida, primeiro volume das Obras Completas de António Telmo (edição Zéfiro, em parceria com o Círculo António Telmo), organizado por Pedro Martins e Renato Epifãnio, e prefaciado por António Carlos Carvalho, que será lançado em 14 de Dezembro, na Biblioteca Municipal de Sesimbra. Da que, conduzida por Vítor Mendanha, o filósofo concedeu ao Correio da Manhã em 5 de Dezembro de 1987, recordámos agora uma das passagens mais importantes.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s