Bibliografia de António Telmo

capa História Secreta1. DE ANTÓNIO TELMO

1.1. Livros e Opúsculos Publicados em Vida

Arte Poética, edição do autor, selecionada por Teoremas de Teatro, Lisboa, 1963, 75 pp.; 2.ª edição, Guimarães Editores, Lisboa, 1993, 84 pp. [acrescentada de uma parte IV, intitulada Sobre a Poesia].

História Secreta de Portugal, com um prefácio de António Carlos Carvalho, Editorial Vega, Lisboa, 1977, 166 pp. + 5 ff. C/grav. (desta edição houve exemplares com encadernação do editor); 2.ª edição, com nota editorial de Pedro Martins e um segundo prefácio de António Carlos Carvalho, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2013, 153 pp., incluindo 4 ff. c/grav.

Gramática Secreta da Língua Portuguesa, Guimarães & C.ª Editores, Lisboa, 1981, 107 pp.

Desembarque dos Maniqueus na Ilha de Camões, Guimarães & C.ª Editores, Lisboa, 1982, 119 pp. + 1 grav.

Filosofia e Kabbalah, Guimarães Editores, Lisboa, 1989, 199 pp. (há uma tradução francesa inédita, da autoria de João Rego).

O Bateleur, Átrio, Lisboa, 1992, 59 pp. + 1 grav.

O Horóscopo de Portugal, Guimarães Editores, Lisboa, 1997, 191 pp.

Contos, com 7 pinturas de Armando Alves, Aríon, Lisboa, 1999, 193 pp.

O Mistério de Portugal na História e n’Os Lusíadas, Ésquilo edições e multimédia, lda., Lisboa, 2004, 287 pp. + 1 grav.

Viagem a Granada, Fundação Lusíada, Lisboa, 2005, 251 pp.

Congeminações de um Neopitagórico, com uma nota do editor, Al-Barzakh (M. N. Vieira), Vale de Lázaro, 2006, 177 pp.; 2.ª edição, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2009, 179 pp.

A Hora de Anjos Haver: poemas, com 10 desenhos de Carlos Aurélio, Porto, 2007, 58 pp.

Contos Secretos, com 58 desenhos de Espiga, Tartaruga, Chaves, 2007, 273 pp.

A Verdade do Amor seguido de Adoração: Cânticos de Amor, de Leonardo Coimbra, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2008, 156 pp.

1.2. Livros e Opúsculos Póstumos

O Portugal de António Telmo, coordenação de Rodrigo Sobral Cunha, Renato Epifânio e Pedro Sinde, com uma pintura de Carlos Aurélio, Babel, Lisboa, 2010, 351 pp.

Viagens à Volta de um Tapete – A Aventura Maçónica seguido de: Autobiografia e Sobrenatural em Luís de Camões, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2011, 189 pp.

Sesimbra, o Lugar Onde Se Não Morre, coordenação de Luís Paixão e Pedro Martins, com um desenho de Carlos Aurélio e prefácio de António Reis Marques, Câmara Municipal de Sesimbra, Sesimbra, 2011, 79 pp.

 1.3. Obras Completas ou de Conjunto

António Telmo, Obras Completas, Al-Barzakh (M. N. Vieira), s/l. Apareceram até agora dois volumes: Vol. I, Luís de Camões, com apresentação de M. N. Vieira, 2010, 201 pp.; Vol. II, Viagem a Granada, com antelóquio de Rodrigo Sobral Cunha (composto de três textos: os dois primeiros de homenagem a António Telmo após o seu falecimento, e o terceiro específico para esta obra), e correspondência em torno à Viagem a Granada (composta por duas cartas de Pedro Sinde e uma de Ronaldo Castro, todas para António Telmo), 2011, 254 pp.

1.4. Prefácios ou Posfácios a Livros

[Apresentação do livro de poemas] Vigília Ardente, Carmo Martins, Estremoz, 1988, pp. 5-7.

[Prólogo a] Por Outras Palavras: dicionário das frases idiomáticas mais usadas na língua portuguesa, recolha e organização de Ivone de Moura, Edições Ledo, Lisboa, 1995, pp. 5-8.

[Prefácio a] Arte e Transcendência: florilégio poético, Maria de Lurdes Pelicano, Edições Margem, 1997, pp. 9-10.

[Prefácio a] O Brasil Mental, Sampaio Bruno, Lello Editores, Porto, 1997, pp. 7-15.

[Duas cartas-prefácio a] O Velho da Montanha: a doutrina iniciática de Teixeira de Pascoaes, Pedro Sinde, Hugin Editores, Lisboa, 2000, pp. 13-18.

[Posfácio a] Mensagens do Anjo da Aurora, Dalila Pereira da Costa, Hugin Editores, Lisboa, 2000, pp. 145-149.

[Uma carta-posfácio a] Arte de Sonhar – 87 sonhos com Teixeira de Pascoaes, António Cândido Franco, Casa do Sul Editora, Évora, 2001, pp. 119-122.

[Testemunho à laia de prefácio a] Alguns Mareantes Desconhecidos da Terra de Sesimbra e outros textos, Câmara Municipal de Sesimbra, Sesimbra, 2001, pp. 13-16 [incluído em Viagem a Granada, pp. 245-248, sob o título “Rafael Monteiro, o Grande Solitário”; e reproduzido No Signo do 7 – Actas dos Colóquios Realizados na Biblioteca Municipal de Sesimbra entre Março e Novembro de 2007, Câmara Municipal de Sesimbra, Sesimbra, 2008, pp. 95-97, sob o título “O castelão autodidacta: Rafael Monteiro”].

[Introdução a] Londres. Cantos Indecisos. Cânticos, Teixeira de Pascoaes, edição de António Cândido Franco, Assírio & Alvim, Lisboa, 2002, pp. 9-19.

[Apresentação de] Mapa Metafísico da Europa, Carlos Aurélio, Fundação Lusíada, Lisboa, 2003, pp. 9-13 [incluído em Viagem a Granada, pp. 236-241, sob o título “Carlos Aurélio, Pintor de Arte”].

[Prefácio a] Re-criações herméticas II – ensaios diversos sob o signo de Hermes, José Manuel Anes, Hugin Editores, 2004, pp. 7-9.

[Introdução a] Dioniso em Creta e outros ensaios, Eudoro de Sousa, Imprensa Nacional – Casa da Moeda, Lisboa, 2004, pp. 7-11.

[Carta-prefácio a] O Anjo e a Sombra: Teixeira de Pascoaes e a Filosofia Portuguesa, Pedro Martins, Publicações Pena Perfeita, 2007, pp. 11-12.

[Carta-prefácio a] Barros Basto – A Miragem Marrana, Alexandre Teixeira Mendes, Ladina, Associação de Cultura Sefardita, 2007, pp. 9-12.

[Prefácio a] Demasiado (too much), João Fortio, edição do autor, 2007, p. 3.

[Prefácio a] O Céu e o Quadrante: desocultação de Álvaro Ribeiro, Pedro Martins, Serra d’Ossa Edições, Vila Viçosa, 2008, pp. 11-16.

[Prefácio, com texto adicional na contracapa, a] A Verdadeira História de Aladino e a Lâmpada Maravilhosa, Rodrigo Sobral Cunha, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2009, pp. 7-8.

1.5. Dispersos

“Dionísio” [soneto em francês subscrito com o pseudónimo António Provença], in Búzio, 15 de Outubro de 1946.

“José Preto” [poema, com texto introdutório de António Reis Marques], in O Sesimbrense, Sesimbra, Abril de 1949.

“Lusismo e obscurantismo dos estudos clássicos”, in A Semana, Lisboa, 15 de Novembro de 1952.

“Marés…” in O Sesimbrense, Sesimbra, 16 de Novembro de 1952 [incluído em Sesimbra, o Lugar Onde Se Não Morre].

“Ensino do Português e ensino do Francês”, in A Bem da Língua Portuguesa, ano IV, n.º 1, Lisboa, Jan. 1953, pp. 6-7;

“Ensino do Português e Latim”, in A Bem da Língua Portuguesa, ano IV, n.º 2, Lisboa, Fev. 1953, pp. 75-76;

“Páscoa no mar” in O Sesimbrense, Sesimbra, Maio de 1953 [incluído em Sesimbra, o Lugar Onde Se Não Morre].

“Positivismo e filologia”, in A Bem da Língua Portuguesa, ano IV, n.º 6, Lisboa, Jun. 1953, pp. 248-249 e 260;

“O estilo da Renascença Portuguesa”, in Diário de Notícias, 20 de Maio de 1955 [republicado em Nova Águia, n.º 6, 2.º semestre de 2010, pp. 146-147].

“Problemas do estilo em Sampaio Bruno”, in suplemento Artes e Letras do Diário de Notícias, ano 91, n.º 32136, Lisboa, 11 de Agosto de 1955, pp. 7 e 8.

“Notas sobre Teixeira Rego”, in suplemento Artes e Letras do Diário de Notícias, ano 91, n.º 32185, Lisboa, 29 de Setembro de 1955, pp. 7 e 6.

“Laços da filologia para a poesia”, in Diário de Notícias, ano 92, n.º 32417, Lisboa, 24 de Maio de 1956, pp. 7 e 8.

“O princípio da individuação na literatura”, in suplemento Letras-Artes do Diário Popular, ano XIV, n.º 5006, Lisboa, 12 de Setembro de 1956, pp. 7 e 15.

“Psicologia e sociologia do trabalho”, in Mensário das Casas do Povo, ano XI, nn. 127 e 128, Lisboa, Janeiro e Fevereiro de 1957, pp. 6-7 e 16, e 10-11 e 12.

“No centenário do nascimento de Sampaio Bruno”, in Diário de Notícias, ano 93, n.º 32678, Lisboa, 14 de Maio de 1957, pp. 7 e 8.

“Futuro do romance português”, in 57, ano I, n.º 1, Lisboa, Maio de 1957, pp. 9 e 15.

“«A Razão Animada», de Álvaro Ribeiro”, in 57, ano I, n.º 1, Lisboa, Maio de 1957, p. 10.

“O centenário de Sampaio Bruno”, in 57, ano I, n.º 1, Lisboa, Maio de 1957, p. 12.

“Aspectos sociais e legais do trabalho feminino”, in Mensário das Casas do Povo, ano XI, n. 132 e XII, n.º 134, Lisboa, Junho e Agosto de 1957, pp. 7-8 e 6-7, e 11.

“Características heróicas da novela inglesa”, in Diário de Notícias, ano 93.º, n.º 32843, Lisboa, 1 Ago. 1957, pp. 7 e 8 (supl. Artes e Letras);

“Da cultura portuguesa ao romance francês”, in 57, ano I, n.º 2, Lisboa, Agosto de 1957, p. 7.

“Sampaio Bruno, crítico literário”, in 57, ano I, n.º 3-4, Lisboa, Dezembro de 1957, p. 15 [com breve antologia de textos de Bruno].

“Sampaio Bruno”, in suplemento Diálogo, n.º 45, do Diário Ilustrado, ano II, n.º 381, Lisboa, 24 de Dezembro de 1957, pp. 33 e 39.

“Problemas demográficos”, in Mensário das Casas do Povo, ano XII, n.º 141, Lisboa, Março de 1958, pp. 6-8.

“O som e o sono na psicologia de Henrique Bergson”, in 57, ano II, n.º 5, Lisboa, Setembro de 1958, p. 11.

“A poesia do alfabeto”, in Diário de Notícias, Lisboa, 20 de Setembro de 1962, p. 7.

“Entrevista com António Telmo”, in O Benfica Ilustrado, ano VII, n.º 80, Lisboa, 1 Maio 1964, p. 5 (com fotografia).

“Traição dos «Clercs»”, in Chave, 1.º ano, n.º 2, Lisboa, Maio de 1964, p. 8.

“Da língua portuguesa”, in Espiral, ano I, n.º 4/5, Lisboa, Inverno 1964-65, pp. 37-41 [incluído em Filosofia e Kabbalah, pp. 39-44].

“Das artes plásticas para a arte poética”, in Chave, 2.º ano, n.º 4, Lisboa, Fevereiro de 1965, p. 5.

“Sesimbra”, in O Sesimbrense, Sesimbra, 21 de Fevereiro de 1965.

“Arte poética e surrealismo”, in Espiral, ano III, n.º 8/9, Lisboa, Inverno [Dezembro] 1965, pp. 119-122.

“Cabral e o novo Oriente”, in Panorama, n.º 27, IV série, Lisboa, Setembro de 1968, pp. 45-48.

“Dos touros e das touradas”, in O Sesimbrense, Sesimbra, 20 de Junho de 1972 [incluído em Filosofia e Kabbalah, com o título “Diálogo com David”, pp. 39-44].

[tradução de um excerto do livro VI da Eneida de Virgílio, incluída em] Eudoro de Sousa, Dionísio em Creta e outros ensaios, São Paulo, 1973, pp. 198-199.

“Um poema de António Telmo”, in O Sesimbrense, Sesimbra, 8 de Julho de 1973.

“Poema”, in O Sesimbrense, ano 48, n.º 639, Sesimbra, 22 de Julho de 1973, p. 1.

“Os heterónimos de Fernando Pessoa” [com ilustração de Aldina Costa], in O Sesimbrense, 48.º ano, 22 de Julho de 1973, pp. 1, 3 e 6 [reproduzido na «Parábola», n.º 29, página cultural do Diário do Minho, Braga, 8 de Setembro de 1973, pp. 3 e 4; e incluído em Filosofia e Kabbalah, pp. 156-157];

“José Marinho” [poesia], in O Sesimbrense, Sesimbra, 14 de Fevereiro de 1974.

“Mãos e palavras”, in Escola Formal, n.º 1, Lisboa, Junho de 1977, pp. 14-18.

“O horóscopo de Fernando Pessoa”, in Escola Formal, n.º 2, Lisboa, Julho de 1977, pp. 17-18 [incluído em Filosofia e Kabbalah, pp. 152-155].

“O Best”, in Escola Formal, n.º 2, Lisboa, Julho de 1977, p. 23 [incluído em Filosofia e Kabbalah, pp. 28-29].

“Da teologia para a filosofia”, in Escola Formal, n.º 3, Lisboa, Agosto-Setembro de 1977, pp. 21-22 [incluído em Filosofia e Kabbalah, pp. 23-25, sob o título “Louvor da matéria”].

“Gramática secreta da língua portuguesa”, in Escola Formal, n.º 4, Lisboa, Outubro-Novembro de 1977, pp. 4-8 [incluído em Filosofia e Kabbalah, pp. 55-65].

“Diálogo sobre a pátria, I – Uma carta de António Telmo”, in Escola Formal, n.º 6, Lisboa, Junho de 1978, pp. 8-9.

“O Segredo d’Os Lusíadas”, em Retrato de Camões e o Segredo dos Lusíadas, Conferências…, Secretaria de Estado da Comunicação Social, Lisboa, 1980, pp. 67-86 [reimpresso em 1981; incluído em Filosofia e Kabbalah, pp. 180-197].

“O pensamento iniciático de José Marinho”, in Cultura Portuguesa, n.º 1, Lisboa, Agosto-Setembro de 1981, pp. 25-29 [incluído em Filosofia e Kabbalah, pp. 122-127].

“Poemas de António Telmo” [A mim próprio; Ao Rafael Monteiro. Balada de Sesimbra; Ao Cagica Rapaz; Ao António Reis Marques], in O Sesimbrense, Sesimbra, 27 de Junho de 1982.

“Dois filósofos portuenses e a simbólica do Porto”, in Nova Renascença, Porto, Verão de 1982, pp. 386-388 [incluído em Filosofia e Kabbalah, pp. 117-121].

“O quadro da Misericórdia sob uma nova luz” [súmula da conferência proferida perante o quadro da Misericórdia de Sesimbra], in O Sesimbrense, Sesimbra, Março de 1984, pp. 1 e 8.

“A conversão”, em Leonardo Coimbra, Filósofo do Real e do Ideal, Lisboa, 1985, pp. 203-209.

[Da saudade] em Afonso Botelho e António Braz Teixeira (sel. e org.), Filosofia da Saudade, Imprensa Nacional-Casa da Moeda [Lisboa], 1986, pp. 412-417 [excerto da História Secreta de Portugal].

“Computadores enfraquecem o espírito da humanidade”, entrevista de Victor Mendanha, fotogr. de Octávio Paiva, in Correio da Manhã, ano IX, n.º 3151, Lisboa, 5 de Dezembro de 1987, pp. 28-29.

“As tradições heterodoxas da filosofia portuguesa”, in Democracia e Liberdade, n.º 42/43, Lisboa, Julho-Dezembro de 1987, pp. 165-181 [teve separata; incluído, com pequenas alterações, em Filosofia e Kabbalah].

“O Timeu e o conceito de analogia em Leonardo Coimbra”, in Leonardo, n.º 1, Lisboa, Março de 1988, pp. 26-32 [incluído em Filosofia e Kabbalah, pp. 102-116; e em Viagem a  Granada, pp. 101-113].

“A teoria do instante em José Marinho”, in Leonardo, n.º 2, Lisboa, Junho de 1988, pp. 10-11 [incluído em Filosofia e Kabbalah, pp. 128-132].

“A dama de oiros”, in Leonardo, n.º 2, Lisboa, Junho de 1988, pp. 39-41 [incluído em Filosofia e Kabbalah, pp. 30-35].

“Carta a Henrique Barrilaro Ruas”, in Leonardo, n.º 3, Lisboa, Outubro de 1988, pp. 50-54 [incluído em Viagem a  Granada, pp. 126-134].

“Sampaio Bruno, o «Encoberto»”, in Leonardo, n.º 5/6, Lisboa, Março/Setembro de 1989, pp. 17-19 [incluído em Viagem a Granada, pp. 139-144].

“O Génio da Língua Portuguesa”, in Via Latina 3, D.G.A.A.C., Coimbra, Maio de 1991, pp. 9-10 [incluído em Viagem a Granada, pp. 187-193].

“Os meus livros sabem mais do que eu”, entrevista com Antónia de Sousa, in DN Magazine, n.º 256, Diário de Notícias, Lisboa, 25 de Agosto de 1991, pp. 25-29.

“Meta-história ou a Terra Prometida”, in DN Magazine, Diário de Notícias, Lisboa, 2 de Fevereiro de 1992, p. 28  [incluído em O Portugal de António Telmo, pp. 161-164].

“Filosofia e Cabala no pensamento de Álvaro Ribeiro”, in Nova Renascença, vol. XIII, n.º 48, Porto, Inverno de 1993, pp. 93-96.

“Testemunhos” [na morte de Agostinho da Silva], in Diário de Notícias, ano 130.º, n.º 45667, Lisboa, 4 de Abril de 1994, p. 34.

“A Teoria da Imaginação em Álvaro Ribeiro”, em Álvaro Ribeiro e a Filosofia Portuguesa / Bibliografia Geral, Fundação Lusíada, Lisboa, 1995, pp. 147-152 [incluído em Viagem a Granada, pp. 47-52, sob o título “Teoria da Imaginação em Álvaro Ribeiro”].

“Mito e símbolo em António Quadros”, em Sabatina de Estudos da Obra de António Quadros (Colóquio) / Contributo Bibliográfico, Fundação Lusíada, Lisboa, 1995, pp. 65-68 [incluído em Viagem a Granada, pp. 222-225, sob o título “António Quadros, a Lua e a Primavera”].

“Do Encoberto (Mito Sebástico)”, em As Linhas Míticas do Pensamento Português (Colóquio), Fundação Lusíada, Lisboa, 1995, pp. 53-58 [incluído em Viagem a Granada, pp. 155-159, sob o título “O mito do Encoberto”].

“Rehabilitação do touro”, in supl. Arca do Verbo de O Setubalense, 3.ª série, ano 11.º, n.º 2160, Setúbal, 12 de Julho de 1995, p. 6.

“Meu caro João Raposo Nunes”, in supl. Arca do Verbo de O Setubalense, 3.ª série, ano 11.º, n.º 2187, Setúbal, 13 de Setembro de 1995, p. 6.

“Discurso do método a seguir nas escolas”, in Bárbara, n.º 1, Lisboa, Setembro de 1997, pp. 17-22 [incluído em Viagem a Granada, pp. 198-210, sob o título “ O Discurso do Método (Reflexões de um Professor)”].

“Um passeio por Trás-os-Montes”, em Dalila Pereira da Costa e as Raízes Matriciais da Pátria (Colóquio), Fundação Lusíada, Lisboa, 1998, pp. 89-91 [incluído em Viagem a Granada, pp. 226-228, sob o título “Dalila Pereira da Costa e o Pensamento Místico”].

“A influência da Cabala na cultura portuguesa”, em A Vivência do Sagrado, Hugin, Lisboa, 1998, pp. 281-288 [incluído em Viagem a Granada, pp. 176-183, sob o título “A influência da Cabala em Portugal”].

“O último cabalista”, entrevista de Francisco José Viegas e Diogo Queiroz de Andrade, in LER, Livros & Leitores, n.º 41, Inverno/Primavera 1998, pp. 114-121.

“O retrato de Fernando Pessoa e a salvação do mundo”, em António Carlos Carvalho (dir.), Pessoa, Ed. Pergaminho, Lisboa, 1999, pp. 15-35.

“De um caderno de apontamentos”, in Teoremas de Filosofia, n.º 1, Porto, Primavera de 2000, pp. 5-11 [incluído em Viagem a Granada, pp. 19-25].

“O Vale do Infante”, in Teoremas de Filosofia, n.º 2, Porto, Outono de 2000, pp. 3-6 [incluído em Viagem a Granada, pp. 26-30].

“Depoimento”, em Ernâni Lopes (coord.), Uma Experiência Única: 1998, MPU – Um movimento cívico contra a Regionalização”, Porto Editora, Porto, 2001, pp. 110-111.

“Entrevista… por Ângelo Monteiro”, in Encontro, Revista do Gabinete Português de Leitura de Pernambuco, ano 16, n.º 16, 2000, pp. 50-52 [transcrita em Teoremas de Filosofia, n.º 3, Porto, Primavera de 2001, pp. 67-71].

“Só Deus escreve sobre Deus”, in Sesimbra Eventos, n.º 16, Sesimbra, 2001, p. 8.

“Pinharanda Gomes – o filósofo autodidacta”, in Teoremas de Filosofia, n.º 4, Porto, Outono de 2001, pp. 13-19 [incluído em O pensamento e a obra de Pinharanda Gomes, Fundação Lusíada, Lisboa, 2004, pp. 193-200; e em Viagem a Granada, pp. 229-235].

“O filósofo da Saudade”, in Teoremas de Filosofia, n.º 5, Porto, Primavera de 2002, pp. 14-16 [incluído em O pensamento e a obra de Afonso Botelho, Lisboa, Fundação Lusíada, 2005, pp. 101-103; e em Viagem a Granada, pp. 219-221, sob o título “Afonso Botelho, o filósofo da Saudade”].

“A Cozinha dos Ganhões – Declaração”, in Brados do Alentejo, Estremoz, 29.XI.2002, B. 5.

“Doze poemas”, em Os Chamadores – Cancioneiro de Sesimbra, vol. I, C. M. Sesimbra, Sesimbra, 2002.

“Sesimbra” [poema], in Sesimbra Eventos, n.º 22, Natal/Ano Novo de 2002-2003, p. 26.

“Os Pessoas” [poema], in Sesimbra Eventos, n.º 23, Fevereiro/Março de 2003, p. 26.

“Sobre a metáfora”, in Teoremas de Filosofia, n.º 7, Porto, Primavera de 2003, pp. 19-20 [incluído em Viagem a Granada, pp. 31-33].

“À conversa com… António Telmo. Entrevista de Sérgio S. Rodrigues & Miguel Campos-Reis”, in Lusophia, n.º 40, Corroios, Mar. 2003, pp. 5 a 8 (com diversas fotografias).

“Isabel Xavier ou a Arte de Sentir”, in Teoremas de Filosofia, n.º 7, Porto, Primavera de 2003, pp. 63-65 [incluído em Viagem a Granada, pp. 242-244].

“A Cabra”, in Teoremas de Filosofia, n.º 7, Porto, Primavera de 2003, pp. 66-68 [incluído em Viagem a Granada, pp. 34-36].

“[“Sesimbra é tão bela]” [poema] , in Sesimbra Eventos, n.º 24, Abril/Maio de 2003, p. 16.

“Manuel” [poema], in Sesimbra Eventos, n.º 25, Junho/Julho de 2003, p. 15.

“Para a história da cultura em Sesimbra”, in O Sesimbrense, 24 de Julho de 2003.

“Páginas de um livro que não foi escrito sobre José Marinho”, in Teoremas de Filosofia, n.º 8, Porto, Outono de 2003, pp. 14-18 [incluído em Viagem a Granada, pp. 160-164, sob o título “Páginas sobre José Marinho de um livro que não foi escrito”].

“Carta (inacabada) a António Cândido Franco”, in Teoremas de Filosofia, n.º 9, Porto, Primavera de 2004, pp. 28-34.

“Soneto”, in Sesimbra Eventos, n.º 30, Abril/Maio de 2004, p. 15.

“Apresentação”, in Sesimbra Eventos, n.º 30, Abril/Maio de 2004, pp. 36-37.

“O messianismo de Camões”, in Teoremas de Filosofia, n.º 10, Porto, Outono de 2004, pp. 23-28 [incluído em Viagem a Granada, pp. 37-43].

“Pensar o irracional”, entrevista de Américo Rodrigues, in Praça Velha, n.º 16, Guarda, 2004 [republicada, após revisão pelo entrevistado e nova revisão pela coordenação editorial dos Cadernos de Filosofia Extravagante, em Cadernos de Filosofia Extravagante: António Telmo, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2011, pp. 12-22].

“Do ensino da história de Portugal pela Mensagem de Fernando Pessoa”, in Teoremas de Filosofia, n.º 11, Porto, Primavera de 2005, pp. 48-50 [incluído em Viagem a Granada, pp. 211-214].

“Apresentação de Álvaro Ribeiro aos sesimbrenses”, in Teoremas de Filosofia, n.º 12, Porto, Outono de 2005, pp. 3-9 [incluído em O Portugal de António Telmo, pp. 223-229, sob o título “Uma apresentação de Álvaro Ribeiro”].

“O Prazer da Vida e o Sentido da Liberdade…”, em In Memoriam de Agostinho da Silva, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2006, pp. 74-77 [excerto de “O último cabalista”, entrevista de Francisco José Viegas e Diogo Queiroz de Andrade, in LER, Livros & Leitores, n.º 41, Inverno/Primavera 1998, pp. 114-121].

“Agostinho da Silva e os Titãs”, em Agostinho da Silva – Pensador do Mundo a Haver – Actas do Congresso Internacional do Centenário de Agostinho da Silva, 15-17 de Novembro de 2006, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2007, pp. 483-485.

“O horóscopo de Agostinho da Silva”, em Actas do Colóquio Agostinho da Silva e o Espírito Universal – Realizado na Biblioteca Municipal de Sesimbra em 30 de Setembro de 2006, Câmara Municipal de Sesimbra, Sesimbra, 2007, pp. 97-101 [incluído em O Portugal de António Telmo, pp. 231-236].

“O pensamento de Leonardo Coimbra do ponto de vista da filosofia operativa”, em No Signo do 7 – Actas dos Colóquios Realizados na Biblioteca Municipal de Sesimbra entre Março e Novembro de 2007, Câmara Municipal de Sesimbra, Sesimbra, 2008, pp. 23-26 [excerto de “Trabalho de Grupo”, narrativa originalmente publicada em Contos e, posteriormente, em Contos Secretos].

“Mestria” [poema], em Codex Templi – Os Mistérios Templários à Luz da História e da Tradição, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2007, p. 445.

“D. Dinis, Poeta Templário”, em Codex Templi – Os Mistérios Templários à Luz da História e da Tradição, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2007, pp. 463 e ss.

“O “Crocodilo” de Saint Martin”, em Colóquio Internacional Louis-Claude de Saint-Martin [1743-1803] – O esoterismo cristão e os valores do nosso tempo, Fundação Cultursintra, Sintra, 2008, pp. 21-27.

“À tarde e a boas horas”, in Nova Águia, n.º 1, 1.º semestre de 2008, pp. 138-143 [reproduz, com pequenas alterações, o capítulo I de O Horóscopo de Portugal].

“Coincidências”, in Nova Águia, n.º 2, 2.º semestre de 2008, pp. 146-147.

“Le Crocodile, ou la Guerre du Bien et du Mal de Louis-Claude de Saint-Martin”, em Colloque Louis-Claude de Saint-Martin – L’ésotérisme chrétien et les valeurs de notre temps, Rafael de Surtis, 2009, pp. 37-46.

“Comentário” a “Carta de Natália a Leonardo”, de Carminda Proença, in Nova Águia, n.º 3, 1.º semestre de 2009, pp. 183-184.

“Apresentação” [não assinado], em Cadernos de Filosofia Extravagante: Universalidades, Serra d’Ossa, Vila Viçosa, Março de 2009, pp. 4-5.

“A identidade religiosa de Luís de Camões”, em Cadernos de Filosofia Extravagante: Universalidades, Serra d’Ossa, Vila Viçosa, Março de 2009, pp. 17-19 [reproduzido em Cultura entre Culturas, Âncora Editora, Lisboa, n.º 2, Outono-Inverno 2010].

“Carta a Pedro Martins”, em Cadernos de Filosofia Extravagante: Universalidades, Serra d’Ossa, Vila Viçosa, Março de 2009, pp. 64-65.

“O passeio que ficou por contar”, in Nova Águia, n.º 4, 2.º semestre de 2009, p. 88.

“Acordo e desacordo na língua de Portugal”, in Nova Águia, n.º 5, 1.º semestre de 2010, pp. 115-116.

“Autobiografia espiritual”, em Cadernos de Filosofia Extravagante: Singularidades, Serra d’Ossa, Vila Viçosa, Junho de 2010, pp. 9-14.

“O poeta amava a Igreja, a Santa Madre, via nela a Virgem pura, tinha para com os sacerdotes um complexo de Édipo”, entrevista em Henrique Manuel S. Pereira, À Volta de Junqueiro – Vida, Obra e Pensamento, Porto, Universidade Católica Portuguesa, 2010, pp. 305-310.

“Portugal et la découverte de l’au-delà de l’Histoire”, in Cultura entre Culturas, Âncora Editora, Lisboa, n.º 2, Outono-Inverno 2010, pp. 12 a 15.

“[A família é de noite quando se dorme]” [poema], em Cadernos de Filosofia Extravagante: António Telmo, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2011, p. 9.

“O batoteiro”, em Cadernos de Filosofia Extravagante: António Telmo, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2011, pp. 10-11.

“Conversa com António Telmo”, entrevista de Helena Estriga, em Cadernos de Filosofia Extravagante: António Telmo, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2011, pp. 23-25.

“Apontamentos”, em Cadernos de Filosofia Extravagante: Interiores, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2012, pp. 10-11.

“Carta para Álvaro Ribeiro” [datada de Borba, 2 de Dezembro de 1977], em Cadernos de Filosofia Extravagante: Interiores, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2012, p. 137.

“Carta para José Manuel Capêlo” [datada de Estremoz, 27 de Agosto de 1982], em Cadernos de Filosofia Extravagante: Interiores, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2012, p. 138.

“Mississipi” [poema], em Cadernos de Filosofia Extravagante: Interiores, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2012, p. 141.

“Ao Senhor dos Mundos” [poema], in Nova Águia, n.º 11, 1.º semestre de 2013, p. 254.

Epígrafe de Teoria Nova da Saudade, de Pedro Martins, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2013, p. 9.

“A Caça à Baleia”, in O Sesimbrense, Sesimbra, 1 de Junho de 2013.

2. SOBRE ANTÓNIO TELMO

2.1. Livros

AA.VV., António Telmo e as Gerações Novas, Hugin, Lisboa, 2003 [Inclui as seguintes colaborações:

– Joaquim Domingues, “Arte Poética”;

– Elísio Gala, “Pôr a Demanda” [História Secreta de Portugal e Horóscopo de Portugal];

– António Cândido Franco, “O filho de Orfeu” [Gramática Secreta da Língua Portuguesa];

– Carlos Aurélio, “Chegada dos Lusíadas à Ilha de Deus” [Desembarque dos Maniqueus na Ilha de Camões];

– Pedro Sinde, “Deambulações em torno de Filosofia e Kabbalah”;

– Avelino de Sousa, “Contos de António Telmo”;

– Rui Arimateia, “As ideias são comunicadas pelos anjos” [Contos];

– Luís Paixão, “Apontamentos biográficos sobre António Telmo”;

– António Reis Marques e João Tavares, “Bibliografia de António Telmo”].

AA.VV., Cadernos de Filosofia Extravagante: António Telmo, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2011 [Neste volume foram inseridas as Actas do Colóquio “A Obra e o Pensamento de António Telmo”, realizado em 14 e 15 de Fevereiro de 2011, no Palácio da Independência, em Lisboa, por iniciativa do Instituto de Filosofia Luso-Brasileira, bem como outros estudos e testemunhos e alguma correspondência para António Telmo. Inclui as seguintes colaborações:

Actas do Colóquio: “A Obra e o Pensamento de António Telmo”

– Pedro Martins e Renato Epifânio, “Apresentação”;

– António Braz Teixeira, “Intróito”;

– Joaquim Domingues, “O homem e a obra”;

– Abel de Lacerda Botelho, “Um olhar de António Telmo na simbólica do Prestes João”;

– M. N. Vieira, “António Telmo e as três tradições do Livro”;

– Luís Paixão, “O octógono e o número 8 – Notas soltas de uma tertúlia”;

– António Carlos Carvalho, “Os nomes de António Telmo”;

– Cynthia Guimarães  Taveira, “António Telmo e a inversão dos candelabros”;

– Rui Lopo, “Significado e valor da filosofia na obra de António Telmo”;

– Pedro Martins, “António Telmo e Luís de Camões”;

– António Quadros Ferro, “Correspondência entre António Telmo e António Quadros”;

– Renato Epifânio, “A ideia de Pátria em António Telmo”;

– Carlos Aurélio, “Religiosidade e razão poética em António Telmo”;

– António Cândido Franco, “Uma carta de António Telmo sobre o surrealismo”;

– Rodrigo Sobral Cunha, “O viajante”;

– Carlos Vargas, “O sebastianismo em António Telmo”;

– Manuel Ferreira Patrício, “Testemunho sobre António Telmo – Passos da memória”;

– Pedro Sinde, “Dois testemunhos”;

– Paulo Santos, “O futuro, em memória de António Telmo”;

– Pedro Paquim Ribeiro, “António Telmo e o tempo da filosofia extravagante”;

– Maurícia Teles da Silva, “Recordar António Telmo”;

– Pinharanda Gomes, “No signo da raia”.

Outros estudos e testemunhos

– António Cândido Franco, “António Telmo e o camonismo contemporâneo”;

– António Quadros, “António Telmo, filósofo da razão estética”;

– Avelino de Sousa, “António Telmo e a hermenêutica”;

– Elísio Gala, “Inteligência e bondade”;

– José Paulo Ribeiro Albuquerque, “Testemunho a/de António Telmo”;

– Helder Cortes, “Encontro com António Telmo”;

– Eduardo Aroso, “Visita à casa de António Telmo”;

– Isabel Xavier, “Ao António Telmo”;

– Jesus Carlos, “Nenhum lugar é sem sombra”.

Correspondência inédita

– Álvaro Ribeiro, “Carta a António Telmo”;

– José Marinho, “Carta a António Telmo”;

– Agostinho da Silva, “Cartas a António Telmo e Anahi”;

– Dalila Pereira da Costa, “Carta a António Telmo”;

– António Quadros, “Carta a António Telmo”].

2.2. Dispersos

Avelino Abrantes, “«Arte Poética». Crítica […]”, in Chave, n.º 2, Lisboa, Maio de 1964, p. 9.

“Inventário da semana” [recensão de Arte Poética], in Diário de Notícias, Lisboa, 9 de Julho de 1964.

“História Secreta de Portugal”, in Escola Formal, n.º 2, Lisboa, Julho de 1977, pp. 21-22 [o autor deste artigo foi Orlando Vitorino, que o incluiu em Manual de Teoria Política Aplicada, Lisboa, Verbo, 2010, pp. 179-183].

Afonso Botelho, “Apresentação do Sr. Dr. António Telmo pelo Sr. Dr. Afonso Botelho, Director de Serviços Literários”, em Retrato de Camões e o Segredo dos Lusíadas, Conferências…, Secretaria de Estado da Comunicação Social, Lisboa, 1980, pp. 61-65.

João Tavares, “Via régia para os portugueses, por Portugal”, in Ensaio, n.º 4, Lisboa, Set.-Nov. 1981, p. 4.

Paulo Pereira, ““Reler” Santa Maria de Belém”, in JL – Jornal de Letras, Artes e Ideias, n.º 26, 26 Fev. / 1 de Março de 1982, Ano I, pp. 12-14.

Rafael Monteiro [sob o pseudónimo de Frei Mínimo], “Mais um livro de António Telmo” [recensão de Desembarque dos Maniqueus na Ilha de Camões], in Raio de Luz, 30 de Abril de 1982.

António Quadros [não assinado], “Pessoal”, in Tempo, Lisboa, 12 de Agosto de 1982, p. 19.

Paulo Pereira, “História Secreta de Portugal”, in Expresso, Lisboa, 29 de Novembro de 1986.

Henrique Barrilaro Ruas, “Carta a António Telmo”, in Leonardo, n.º 2, Lisboa, Junho de 1988, pp. 44-49.

Paulo Pereira, “Filosofia e Kabbalah”, in Expresso, Lisboa, 13 de Abril de 1990, suplemento Cartaz, pp. 31-32.

António Cândido Franco, “António Telmo”, in supl. Arca do Verbo de O Setubalense, 3.ª série, ano 9.º, n.º 1495, Setúbal, 13 de Fevereiro de 1991, p. 4.

Carlos Aurélio, [retrato de António Telmo], in supl. Arca do Verbo de O Setubalense, 3.ª série, ano 9.º, n.º 1495, Setúbal, 13 de Fevereiro de 1991, p. 4.

Avelino de Sousa, “António Telmo, philosophus per ignem”, in supl. Arca do Verbo de O Setubalense, 3.ª série, ano 9.º, n.º 1495, Setúbal, 13 de Fevereiro de 1991, p. 4.

Dalila Pereira da Costa, “Para uma reintegração”, in supl. Arca do Verbo de O Setubalense, 3.ª série, ano 9.º, n.º 1495, Setúbal, 13 de Fevereiro de 1991, p. 4.

Afonso Botelho, “A palavra perdida”, in supl. Arca do Verbo de O Setubalense, 3.ª série, ano 9.º, n.º 1495, Setúbal, 13 de Fevereiro de 1991, p. 4.

João Rêgo, “Aproximação a uma obra”, in supl. Arca do Verbo de O Setubalense, 3.ª série, ano 9.º, n.º 1495, Setúbal, 13 de Fevereiro de 1991, p. 4.

Carlos Aurélio, “Um caso de sorte”, in supl. Arca do Verbo de O Setubalense, 3.ª série, ano 9.º, n.º 1495, Setúbal, 13 de Fevereiro de 1991, p. 4.

António Cândido Franco, “[Recensão crítica a ‘Filosofia e Kabbalah’, de António Telmo]”, in  Colóquio/Letras, n.º 120, Abr. 1991, p. 227-228.

Paulo da Costa Domingos, “Arte Poética, António Telmo”, in Expresso, n.º 1100, Lisboa, 27 de Novembro de 1993, suplemento Cartaz, p. 24.

João Rêgo, “Razões”, in supl. Arca do Verbo de O Setubalense, 3.ª série, ano 11.º, n.º 2715, Setúbal, 16 de Agosto de 1995, p. 6.

António Cândido Franco, “António Telmo (carta a João Rego)”, in supl. Arca do Verbo de O Setubalense, 3.ª série, ano 11.º, n.º 2198, Setúbal, 11 de Outubro de 1995, p. 6.

Antónia de Sousa, “A sacralidade do acto sexual. Seminário internacional debate «Vivências do Sagrado» na Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação”, in Diário de Notícias, Lisboa, 7 de Novembro de 1996.

Ângelo Monteiro, “O milagre do Le Bateleur”, in Encontro, Revista do Gabinete Português de Leitura de Pernambuco, ano 16, n.º 16, 2000, p. 203.

Alípio Carvalho Neto, “António Telmo, David Mestre e Lezama Lima: A Poética da Decifração do Paraíso”, in Encontro, Revista do Gabinete Português de Leitura de Pernambuco, ano 16, n.º 16, 2000.

Contos de António Telmo lançados em Redondo, in Brados do Alentejo, ano LXIX, n.º 481, 3.ª s., Estremoz, 8 de Outubro de 1999, pp. 1 e 3.

António Cândido Franco, “António Telmo – Fábulas com pinturas”, in JL – Jornal de Letras, Artes e Ideias, de 1 de Dezembro de 1999.

José Gama, “Telmo, António, Horóscopo de Portugal…”, in Revista Portuguesa de Filosofia, ano LVI, Braga, Jan.-Jun. 2000, p. 257.

Luís Paixão, ““Contos”, de António Telmo, in Sesimbra Eventos, n.º 10, Sesimbra, Outubro de 2000, p. 9.

“Novo livro de António Telmo”, Sesimbra Município, ano 2, n.º 22, Sesimbra, Outubro 2000, p. 9.

Pedro Sinde, “Telmo, António, Contos…, in Teoremas de Filosofia, n.º 2, Porto, Outono de 2000, pp. 77-78.

Rafael Monteiro, “Dos toiros e das toiradas”, in Sesimbra Eventos, Fev.-Mar. de 2001, p. 45.

José Santiago Naud, “Imaginário da salvação na ilha dos amores camoniana”, in Agulha, Revista de Cultura, n.º 12, Fortaleza, São Paulo, Maio de 2001.

António Cândido Franco, [carta a António Telmo], in Teoremas de Filosofia, n.º 8, Porto, Outono de 2003, pp. 67-70.

Pinharanda Gomes, “António Telmo e as Gerações Novas”, in O Diabo, Lisboa, 17 Ago. 2004, p. 20.

Pinharanda Gomes, “A(s) Viagen(s) de António Telmo”, in O Diabo, Lisboa, 13 Set. 2005, p. 21.

Júlia Serra, “Uma leitura de Contos Secretos de António Telmo”, in Jornal dos Poetas & Trovadores, n.º 43, Guimarães, Out.-Dez. de 2007, p. 11.

Carminda H. Proença, “Carta de Natália a Leonardo”, in Nova Águia, n.º 3, 1.º semestre de 2009, pp. 183-184.

Pedro Martins, “A Verdade do Amor, de António Telmo”, in Nova Águia, n.º 5, 1.º semestre de 2010, pp. 162-166.

Pedro Sinde, “António Telmo”, in Brados do Alentejo, 16 de Setembro de 2010.

Rodrigo Sobral Cunha, “António Telmo”, in Nova Águia, n.º 6, 2.º semestre de 2010, p. 148.

Renato Epifânio, “Do Futuro da Filosofia Portuguesa”, in Nova Águia, n.º 6, 2.º semestre de 2010, p. 149.

João Tavares, “A Viagem do Cavaleiro” [poema], in Calipole, n.º 18, Câmara Municipal de Vila Viçosa, 2010, p. 307.

Carlos Aurélio, “António Telmo (1927-2010) e Vila Viçosa”, in Calipole, n.º 18, Câmara Municipal de Vila Viçosa, 2010, pp. 309-313 [teve separata].

Espiga Pinto, “Para o “Mestre” António Telmo uma pequena e simples carta (póstuma)”, in Calipole, n.º 18, Câmara Municipal de Vila Viçosa, 2010, pp. 331-340.

Pedro Martins, “O Poliedro Infinito – para uma leitura de Luís de Camões, de António Telmo”, in Calipole, n.º 18, Câmara Municipal de Vila Viçosa, 2010, p. 307 [teve separata].

Rodrigo Sobral Cunha, “O viajante” [a respeito de: António Telmo, Viagem a Granada, Estremoz, Al-Barzakh, 2011] in Nova Águia, n.º 7, 1.º semestre de 2011, pp. 200-202.

Paulo Santos, “Reflexão invocativa do legado de António Telmo”, in Nova Águia, n.º 9, 2.º semestre de 2012, pp. 206-207.

Teresa David, “Meditação da Aurora” [poema], in Nova Águia, n.º 10, 2.º semestre de 2012, p. 151.

Pedro Martins e Renato Epifânio, “Apresentação”, em Cadernos de Filosofia Extravagante: Interiores, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2012, pp. 7-9.

Eduardo Aroso, “António Telmo e a Santa Cabala” [poema], em Cadernos de Filosofia Extravagante: Interiores, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2012, p. 29.

António Carlos Carvalho, “No labirinto de Camões”, em Cadernos de Filosofia Extravagante: Interiores, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2012, pp. 30-33.

Eduardo Aroso, “A Astrologia e o Horóscopo de Portugal na Obra de António Telmo”, em Cadernos de Filosofia Extravagante: Interiores, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2012, pp. 49-55.

Carlos Vargas, “Quixotismo ou Incompreensão”, em Cadernos de Filosofia Extravagante: Interiores, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2012, p. 71.

Pedro Sinde, “António Telmo – Elogiando a Filosofia Derrotada”, em Cadernos de Filosofia Extravagante: Interiores, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2012, pp. 72-80.

Ruy Ventura, “[Tomé Natanael, em Sesimbra]” [poema], em Cadernos de Filosofia Extravagante: Interiores, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2012, pp. 102-103.

António Cândido Franco, “Na morte de António Telmo”, em Cadernos de Filosofia Extravagante: Interiores, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2012, p. 104.

Pedro Martins, “Lápides”, em Cadernos de Filosofia Extravagante: Interiores, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2012, p. 106.

António Cândido Franco, “António Telmo e Mário Cesariny”, em Cadernos de Filosofia Extravagante: Interiores, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2012, pp. 107-109.

Álvaro Ribeiro, “Cartas para António Telmo”, em Cadernos de Filosofia Extravagante: Interiores, Zéfiro, Edições e Actividades Culturais, Unipessoal Lda., Sintra, 2012, pp. 132-137.

António Cândido Franco, “O camonismo de António Telmo”, in Suroeste, revista de literaturas ibéricas, n.º 2, pp. 129-137, 2012.

António Carlos Cortez, “Luís de Camões ou os labirintos da exegese”, in Colóquio Letras, número 182, Janeiro/Abril de 2013, pp. 42-57.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s